PPGARTES - Programa de Pós-graduação em Artes da Uerj

Roberto Corrêa dos Santos

docentes

ROBERTO CORRÊA DOS SANTOS

Email: robertcossan@terra.com.br
Lattes: http://lattes.cnpq.br/2175021845747445

Área de Investigação:
Formulação de princípios, categorias, propósitos e condições de possibilidade de uma Teoria da Arte que retome, analise e ultrapasse os modos de funcionamento das ainda recentes disciplinas formadoras das chamadas Ciências Humanas e Sociais. Tal direção de Pesquisa envolve: (a) retomar o nascimento das disciplinas, entre fins do século XIX e início do século XX, de modo a destacar alguns de seus registros de atuação durante sua emergência histórica, procurando ainda demonstrar o aparecimento de uma Teoria da Arte quase meio século depois de aquelas terem se constituído, isto é, a partir dos anos 60, e associada às chamadas práticas artísticas contemporâneas; (b) mapear os principais problemas expostos pela Teoria da Arte quanto ao tratamento da ‘obra’ ‘artística’, ao valer-se não mais de modelos abrangentes destinados a dar conta do sistema como um todo e de suas regras fixas de funcionamento; (c) desenvolver os principais pontos que permitiriam construir uma Teoria da Arte, buscando seu estado de emprego e de reversão de diferentes redes categoriais constantes de outros saberes (Psicanálise, Semiologia, Lingüística, História da Arte, Antropologia da Arte, Teoria da Litera-tura); (d) estabelecer os variados e ativos modos de ação reflexiva da Teoria da Ar-te em relação aos da Estética, aos da Filosofia da Arte, aos da Crítica de Arte; (e) examinar o reaproveitamento crítico-interpretativo operado por uma Teoria da Ar-te, em processo, ao valer-se de noções e tipos de abordagem empregados pela Teo-ria da Literatura e pela Semiologia, em especial quando articuladas à filosofia da Desconstrução; (f) analisar os problemas e as aberturas propostos por obras de constituição indecidível que lidam com tipos múltiplos de escrita e de plasticidade a um só tempo, interessando em especial a tensão afirmativa entre arte e escritura; (g) refletir sobre temas relacionados ao fazer artístico-escriptural, tais como pulsão, forma, conceito, pensamento, revendo categorias indecidíveis e em abalo: obra, ar-te, autoria, presença, centramento, profundidade, sujeito, tempo, espaço etc.; (h) expandir a prática de produzir e de analisar obras designadas de escritos, cadernos, grafismos e livros-de-artista: obras ligadas diretamente ao conceito de ficção e de plasticidade que contêm, entretanto, forte sentido teórico (isto é, o trabalho teórico inscrito nas próprias obras plásticas); (i) estudar marcas gravadas em ‘obras’, vi-sando a refletir sobre forças presentes em grafias, sonoridades, suportes diferidos e os vastos processos da língua (verbal ou não), considerando-se elementos ligados ao corpo: texturas, organismos, matérias, mobilidade, ritmo, respiração, rastros, si-nais, perdas, meios de subjetivar, sistema mental, sistema afetivo, sistema cogniti-vo, sistema mnemônico, dissolvência.

Projeto de pesquisa:
Para a construção transdisciplinar de uma Teoria da Arte
Formulação de princípios, categorias, propósitos e condições de possibilidade de uma Teoria da Arte que retome, analise e ultrapasse os modos de funcionamento das ainda recentes disciplinas formadoras das chamadas Ciências Humanas e Sociais.

Mais:
Textos publicados na internet
Quem assina o cinema falado
Retomar, detalhar, focar.
Amélia de Ana Carolina – Senhores eu vi – volume 6
A corrigir o Cérebro-Ocidente (Erasmo de Rotterdam e Gil Vicente) – volume 8

Nicholson
Breve genealogia do medo na obra de Clarice Lispector
Genoma: entre roer e voar
Leitura e saúde
Sentidos da violência

Artaud/o rosto
Estados da forma
A hora da estrela - o papel e a tela
Do concepto em Bernard-Marie Koltès

Orientação de Dissertações no Instituto de Artes da Uerj
Concluída:
Ana Angélica Teixeira Ferreira da Costa. Imagens precárias. 2008.
Renato de Azevedo Rezende Neto. O campo ampliado da poesia brasileira contemporânea. Início: 2007.
Em andamento:
Lucenne Maria da Cruz Vizaco. Transversais contemporâneas em livros-de-artista. Início:2007.