PPGARTES - Programa de Pós-graduação em Artes da Uerj

Luiz Cláudio da Costa

docentes

Email: l.claudiodacosta@gmail.com
Lattes: http://lattes.cnpq.br/2995853290168904

Área de Investigação:
Aspectos envolvidos: (a) o problema da figuração do tempo e da repetição; (b) a imagem como problema teórico no campo da arte; (b) a figuração da memória produzida pela arte contemporânea no contexto da crise do figurativismo (c) o domínio do comum figurado na arte e a articulação do espaço público; (d) o privilégio das formas do arquivo, do inventário, da lista, da biblioteca, do gabinete de curiosidade, da coleção, e do atlas nessa produção; (e) os procedimentos da apropriação e da repetição, as ambiguidades entre a cronologia e a genealogia, a linearidade teleológica e a repetição cíclica, o crônico e o anacrônico na história; (f) a importância e o impacto das imagens técnicas, particularmente, as montagens fotográficas e as imagens temporais como o cinema e o vídeo.

Projeto de pesquisa:
A gravidade da imagem: apropriação e repetição na arte contemporânea
O objetivo da pesquisa é investigar a construção crítica da memória pública na contemporaneidade a partir de trabalhos que lidam com eventos históricos. Privilegia-se trabalhos que experimentam a contradição entre a exigência de representar o passado e a inadequação da linguagem, justamente aquilo que pode provocar uma cisão na experiência e na figuração do tempo. Trata-se de investigar a lógica figural da rememoração e a experiência inatual do tempo histórico. O interesse é a produção artística cuja imagem aposta nos desacordos entre a cronologia e a genealogia, a linearidade teleológica e a repetição cíclica, o crônico e o anacrônico na história. O escopo da investigação visa o contexto amplo da América Latina, o que implica estudar a produção realizada no Brasil bem como a de outros países do continente. Pretende-se avaliar a relevância da memória da violência (os massacres de índios, a escravidão dos negros, a ditadura, além dos eventos das violações presentes no cotidiano). O interesse é estimar o lugar do documento, dos vestígios e do testemunho para essa produção, sem esquecer o espaço da imaginação e da fabulação como ato fundamental na figuração artística.  

Grupo de pesquisa:
Tecnologias da arte: sistemas, dispositivos e fissuras - Líder